ComunicaçãoDesign
 
 
 
 

Dicas para as paróquias em tempos de isolamento social

10.08.2020 | 8 minutos de leitura
Agência Arcanjo
Comunicação
Dicas para as paróquias em tempos de isolamento social

A pandemia do novo coronavírus chegou para nos dar medo, insegurança, e nos fez repensar nossa vida como um todo. Em contrapartida das coisas ruins que a pandemia e o isolamento social nos trouxe, ainda sim, podemos tirar coisas benéficas desse momento que ainda assola o mundo como um todo, como por exemplo o autoconhecimento, a valorização de ter saúde, a importância de ter uma fé viva em Deus, e principalmente, a valorização de estar bem junto com a família.

Neste período, aprendemos que se isolar é, ao mesmo tempo, distanciar-se da rotina e se reaproximar da família. Por vezes tínhamos uma rotina extremamente corrida de trabalhar, estudar, comer e dormir, e as opções de curtir a família era vencida pelo cansaço. Não que tudo tenha mudado, pois continuamos com uma rotina apertada, mas, agora damos muito mais importância aos pequenos detalhes da vida!

Assim como nós e nossas famílias tiveram que se adaptar e se adequar a esse “novo mundo”, as paróquias também tiveram! Renovar-se e reinventar-se para que os fiéis se mantivessem ativos na comunidade tem se tornado um trabalho diário, e por isso, trouxemos algumas dicas para as paróquias neste período de isolamento social, para se aproximarem dos fiéis que se encontram em casa, e para ajudar com que esse momento torne um momento de ainda mais aprendizado e fortalecimento de fé!

#Como manter o público ativo através das redes sociais?
Sabemos que tem sido dias difíceis para a população como um todo, e por isso a interação das paróquias em isolamento social é tão importante! 

Produzir posts que remetem a esperança neste momento de isolamento nunca foi tão importante. Sabendo usá-las, as redes sociais são ótimas aliadas nesse momento, pois o público online cresceu muito e isso facilita a interação com os que já frequentam sua comunidade, e dependendo do alcance e do conteúdo, poderá até trazer mais fiéis!

É um momento ideal para evangelizar no meio digital! Permita que a paróquia saia da caixa e busque alternativas de trazer ensinamentos.

O Instagram possui inúmeras ferramentas que possibilitam gerar interação, mas atenção, é preciso estar atento aos mínimos detalhes: escolha imagens com boa qualidade e que estejam ligadas ao conteúdo que deseja transmitir. É essencial que esse conteúdo seja interessante para seu público, pois só assim você atrairá a atenção dele e estimulará a interação, não basta ter as ferramentas e não saber usá-las a favor. 

Se você quer gerar interação entre paróquias em isolamento social e os paroquianos, entenda que isso se inicia de uma maneira simples: interagindo com eles!  Sim, a paróquia precisa dar o passo inicial, respondendo aos seguidores, seja no direct, seja nos comentários, seja nas reações dos stories, o importante é interagir ao máximo possível. 

Caso a paróquia tenha muitos seguidores, essa interação pode acabar demandando uma atenção especial e pode acabar tomando muito mais tempo, e caso isso seja a realidade da sua paróquia que está passando por esse isolamento social e queda de seguidores, usar algumas ferramentas que gerenciam o Instagram pode resolver essa necessidade, além de que ajudará a administrar a sua conta no dia a dia. 

#Publique com frequência

Publicações frequentes geram interesse e demonstra a preocupação da paróquia em manter esse contato com os fiéis, mostra que mesmo com o isolamento social podemos sim estar pertos um do outro (de forma virtual, claro). 

Publique frases, ensinamentos, curiosidades, notícias da igreja, e principalmente: propague a esperança!

#Mantenha seu público atualizado 

Caso sua paróquia, neste momento de isolamento social esteja fazendo algo diferente, como missas drive-in, lives de missa, lives rezando o terço, ou até mesmo abrindo a paróquia para receber os fiéis de forma segura, é importante que essas informações estejam bem visíveis no perfil das redes. Faça posts com os horários e convidando o público para participar das programações que a paróquia teve que se adequar neste momento de isolamento.

É importante a realização de lives ou até mesmo vídeos do pároco dando uma bênção, uma reflexão, uma palavra de fé, ou ainda, rezando pelo fim da pandemia, tudo isso gera esperança e fortalece quem se encontra ainda mais distante da igreja neste período. 

#Proponha desafios


Mesmo com a quantidade de pessoas on-line ter aumentado, é notável que as pessoas estão monótonas, ou seja, vê o conteúdo, acham legal a iniciativa, mas fica por isso! O famoso “rolar o feed só para passar tempo”. Por isso, prepare desafios para que os paroquianos saiam da sua zona de conforto, como por exemplo sair da cama e dedicar-se a rezar por 10 minutinhos, ler um versículo da Bíblia a cada dia e o compartilha-lo, criar o hábito de agradecer todos os dias antes de dormir e assim por diante.

Nos stories do Instagram os desafios podem transcender o quesito físico e ir para o lado intelectual, como por exemplo a utilização da plataforma de perguntas ou as enquetes. Diariamente, ou até mesmo uma vez por semana, proponha ao perfil da paróquia que realize desafios de perguntas e respostas, como se fosse um jogo!

“Quem é a Mãe de Jesus?”
“Jesus ressuscitou no terceiro dia? Verdadeiro ou falso?”
“Qual o primeiro livro da Bíblia?”

Essas e entre outras perguntas gera bastante interação, talvez não logo de cara, mas se for realizadas ações nesse sentido, uma hora seu público pode começar a participar e as coisas começam a fluir. 

#É preciso pensar no público geral


A pandemia não está afetando apenas o público adulto, mas sim as crianças e os idosos. É uma questão geral, e por isso precisamos saber como as paróquias em isolamento social pode impactar e contribuir com a vida de todos.

Público infantil: Saindo um pouco do meio digital, a dica hoje é para os pais!
Sabemos que a rotina cansativa e repetitiva pode te deixar cansado para tirar um tempo para dedicar ao seu filho (a), mas precisamos te dizer: eles também estão passando por esse momento, e eles também estão cansados de não fazerem nada fora de casa! A evangelização começa em casa e na catequese, mas devido a atual situação a tarefa fica para os pais mesmo! Leia histórias, sejam bíblias ou que causem alguma reflexão nos pequenos, desafie a praticar a criatividade desenhando rostos bíblicos, instigando-os com perguntas como: “Como era Jesus?”, Quais animais entraram na arca de Noé?”, e assim por diante! Ensine-os a importância da oração e estejam sempre com eles, lembre-se sempre, estamos todos passando pelo mesmo momento, ainda que tenhamos visões diferentes!

Público idoso: Algumas pessoas do público idoso até se aventura no mundo da internet e das redes sociais, mas ainda sim é uma pequena minoria, e não podemos deixá-los de fora das adaptações das paróquias neste momento de isolamento social!

Certamente um dos públicos mais afetados é a classe mais velha, pois ainda é difícil assimilar que não se é momento de ir presencialmente na casa de Deus, e pensando nessas dificuldades, convidamos as pessoas com mais hábito e experiência nas redes sociais para mantê-los atualizados das situações. Mostre que as mudanças ainda que seja bruscas, são sim positivas e para um bem maior. Use materiais publicados nas redes sociais para mostrar que a paróquia continua com seus serviços de evangelização e fé! Se possível coloque as transmissões de missas ao vivo para que eles possam assistir, ajude-os nessa adaptação!

Outra opção, é reunir os idosos em uma ligação por celular mesmo, e proporcioná-los a esse momento, seja de conversas ou de orações. Pode ser proposto ainda, que essas ligações sejam uma vez por semana, e trazer desafios de lições que os idosos tiveram durante os dias, ou ainda desafia-los a trazer alguma palavra bíblica que tenha chamado a atenção durante a semana.

#Mantenha os paroquianos ativos e firmes na fé


Ainda que existam incertezas, dúvidas e sem expectativas de volta aos frequentes eventos paroquiais, precisamos fazer o possível para manter todos unidos por um só objetivo, que é crer na palavra de Deus.

Ligue para os fiéis, mande uma mensagem, demonstre sua importância para a paróquia, diga que seguimos firmes e que quando tudo isso passar estaremos mais unidos do que nunca! Use a criatividade para tornar esse momento das paróquias em isolamento social um ensinamento ainda maior, de como é ter esperanças nos momentos de extrema dificuldade!

Aqui, você pode encontrar mais algumas dicas para viver bem esse período da quarentena, temos algumas opções de programações do que fazer no dia a dia, dicas de filmes, canais do YouTube, transmissões de missas pela televisão, dicas de leituras e muito mais, confira



Mais em Comunicação
Comente com o facebook
 
  •